O que têm John Zorn e Legendary Tiger Man em comum?


John Zorn e Legendary Tiger Man editaram em 2009 álbuns sob o nome “Femina”. Distanciados no espaço, tempo e sonoridade, recorrem a semelhante modus operandi na homenagem que fazem ao género feminino. Para o primeiro é genialidade, para o segundo paixão, para ambos inspiração.

No novo álbum de Paulo Furtado (Legendary Tiger Man), o blues rock canta-se com voz feminina. Rita Redshoes, Cláudia Efe, Cibelle, Phoebe Killdeer, Lisa Kekaula, Asia Argento, Peaches, Maria de Medeiros e Mafalda Nascimento participam em originais e clássicos como “These Boots Are Made For Walkin’” conhecida pela voz de Nancy Sinatra.

John Zorn compôs o novo trabalho com o pensamento em algumas figuras que o marcaram: Hildegard von Bingen, Louis Bourgeois, Gertrude Stein, Sylvia Plath, Meredith Monk, Yoko Ono e não só. O som de “Femina” não tem fronteiras, tanto navega pela música ambiental como pelo frenesi caótico. As peças são interpretadas por um sexteto exclusivamente de mulheres.

Artigo publicado no Do Vinil ao Digital a 21.12.2009

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado.